Homem é detido com 12 preservativos após atacar mulheres em São José do Calçado

Um homem de 26 anos foi preso em flagrante na manhã de hoje (26) assediando mulheres no centro de São José do Calçado. Com Gleison dos Santos, a Polícia Militar encontrou 12 preservativos.

De acordo com a PM, após denúncias de que um homem estava importunando mulheres, uma equipe prosseguiu até a rua Maria Dornelas Pimentel e, por volta das 8h40, avistou um suspeito com as mesmas características descritas pelos denunciantes.

Ao ver a viatura,  o suspeito desviou seu caminho e retornou por uma rua adjacente. Ao ser abordado, ele se identificou como sendo morador de Bom Jesus do Norte. Na busca pessoal os militares encontraram em seu bolso vários preservativos masculinos.

Perguntado sobre as denúncias contra ele, o homem confessou que assediou e importunou diversas mulheres, relatando ainda, que chegou a beijar e cheirar o pescoço de uma delas.

O homem foi detido e reconhecido pelas vítimas: uma mulher de 45 e outra de 38 anos. Uma delas disse que estava dentro de uma mercearia quando Gleison fez ameaças para não chamarem a polícia e tentou roubar a pulseira que estava em seu braço. O criminoso puxou o braço da vítima quando ela tentou impedir a ação e a assediou dizendo que ela era uma mulher bonita e cheirosa, logo após cheirou seu pescoço e beijou o seu  braço.

Gleison saiu do local quando populares tentaram defender a mulher. Ele então abordou outra vítima na rua e tentou roubar seu celular. A primeira mulher assediada pelo criminoso chegou no local de posse de uma vassoura e partiu para cima de Gleison para impedir que o crime se consumasse.

Mais uma vez o homem fugiu e outra vítima, dessa vez uma adolescente de 16 anos, contou que Gleison tentou agarrá-la quando transitava pela avenida Maria das Dores Pimentel. Populares de novo interviram.

Gleison foi encaminhado para a delegacia de São José do Calçado onde, segundo a Polícia Civil, permaneceu calado durante o interrogatório. Como a prisão aconteceu em flagrante, ele foi encaminhado para o Centro de Detenção Provisória de Cachoeiro.

A PC informou que o homem já teve passagens pela polícia nos anos de 2015 e 2016, mas os crimes não foram informados.

Fonte: Aqui Notícias.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *